Histórias(s) do Cinema
Jean-Luc Godard
Extras:
Jean-luc Godard filmografia
Tradução de Maria João Madeira
Características Técnicas:

DISCO 1
1A - TODAS AS HISTÓRIAS 51’
1B - UMA HISTÓRIA SÓ 42’
2A - SÓ O CINEMA 27’
2B - FATAL BELEZA 29’

DISCO 2
3A - A MOEDA DO ABSOLUTO 27’
3B - UMA VAGA NOVA 27’
4A - O CONTROLO DO UNIVERSO 28’
4B - OS SIGNOS ENTRE NÓS 37’

FRANÇA |1988-1998 | 268' | P&B e COR | SOM 2.0 | 4:3
FRANCÊS | LEGENDADO EM PORTUGUÊS

© Gaumont, CNC, Femis, Peripheria, 1988-1998 | (P) Midas Filmes, 2018 | Registo nº5294/2007 | M/12
Editado: 12-2007
preÇo: 12,5 euros
comprar
Muitos chamaram já a este trabalho absolutamente único e genial a grande obra de arte do século XX. Usando filmes antigos, os seus próprios filmes, pintura, fotografia, bandas-sonoras, música jazz, clássica ou pop, intertítulos, subtítulos, voz off, e pontuando-os com a sua presença e a sua voz profunda, Godard cria um auto-retrato desenhado pelos filmes dos outros, através das histórias que o Cinema conta. Realizado entre 1988 e 1998, e dividido em quatro partes, cada uma composta por dois episódios, estas História(s) são um ensaio sobre o Cinema feito com os meios do Cinema, a sua História e a sua interpretação da História, a sua elegia e a sua crítica. Godard projecta-se para o futuro para, a partir da sobreposição de imagens e da polifonia de sons, perguntar o que é o cinema? As História(s) do Cinema são em primeiro lugar isto: o combate - de um anjo? - contra os ruídos do século, ruídos de massacres, gritos dos que são exterminados ou urros de indignação cobertos pela obscenidade do espectáculo a que o cinema se teria finalmente rendido, quando tínhamos o direito de dele esperar tudo!
ficha tÉcnica
França - 1988-1998 - 268' - cor e p&b